08-11-2017

Como a bateria se tornou um dos principais Instrumentos de percussão?

A bateria, atualmente, é um dos principais instrumentos de percussão. Mas nem sempre foi assim.
No passado, os instrumentos que formam a batera, brilhavam isoladamente até que foram se unindo nas bandas de jazz americanas.
Mas afinal, como a bateria se tornou um dos principais Instrumentos de percussão?

Como começa essa história?

A história da bateria, como ela é hoje, começou nas décadas de 1910 e 20.
Naquele período as bandas de Jazz brilhavam nas ruas americanas. Motivados com altas verbas e distantes da invenção dos pedais, as bandas mantinham mais de um percussionista e, com essa facilidade, era possível que cada um deles se dedicasse à apenas um instrumento.
Com a chegada da crise e dos pedais era possível que um único músico tocasse mais de um instrumento. Esse avanço tecnológico, somado a crise, foi o estopim para o processo de união dos instrumentos.
Foi quando surgiu a batera, como conhecemos.

E como essa revolução criou um dos principais Instrumentos de percussão?

É bem simples: A batera fez parte da acensão dos principais estilos musicais dos tempos modernos.
A batera foi componente importante para a acensão do Jazz, Rock, Hip-hop e diversos estilos que compõem a gama de estilos musicais modernos.
Além disso, os bateras passaram a ter destaque nas bandas e grupos musicais pelo mundo.
A plástica dos movimentos, aliados à uma técnica apurada e de difícil execução, deu aos bateristas posições de destaque técnico nas bandas.
Foi assim que a bateria foi colocada com um dos principais Instrumentos de percussão dos tempos modernos.

Quer saber mais?
Conheça nosso Facebook
Ou acesse nosso blog