Novo prato Signature Amilcar Christófaro.

10/10/2014

Este ano completamos dez anos de parceria com o nosso endorsee Amilcar Christófaro, e para celebrar todos esses anos juntos fizemos um prato de Edição Limitada, com cinquenta unidades, assinado pelo próprio Amilcar Christófaro e sua banda Torture Squad.
Mas não foi só isso, o Amilcar veio até a nossa fábrica para receber um treinamento completo sobre o prato e aprender a faze-lo!
Pedimos para que ele desse um depoimento sobre o que ele acha do prato!
“Não foi a toa que eu me identifiquei com esse prato.
O Ride 21″, que veio a se tornar o meu signature sendo o modelo Orion Squad, é o melhor ride que eu já toquei.Sem exageros.
Ele se encaixa perfeito no estilo de baterista que eu sou e no tipo de som que eu gosto.
O “ping” da condução tem um brilho cativante e nítido que não se perde jamais na audição. Eu posso falar isso pois a minha vida é estar no meio de frequências graves de baixo e guitarra, então seria muito fácil você fazer mímica com o ride no meio da música, o que não é o caso dele, aliás é o oposto. A condução na música está sempre lá dando um timbre bonito, nítido, e ao mesmo tempo, encorpado.
A cúpula tem um som forte, alto, e o melhor, com volume equilibrado. Isso faz com que você se preocupe somente na arte de tocar e não em o quanto de dinâmica terá que impor no seu toque para tirar o som da cúpula ou para segurar o som, caso ele não tivesse o volume equilibrado.
Ele tem uma sobra característica tendo o sustain no tempo certo, e esse sustain equilibrado (desculpe mas sou obrigado a falar de equilíbrio aqui várias vezes) faz com que ele fique bem vivo na música, tanto em gravações e ensaios quanto em shows ao vivo, não soando como um prato com timbre seco e fino e sim com brilho, encorpado e equilibrado em todos os sentidos.
Versátil é uma qualidade que se encaixa bem nele. Seu timbre soa bem em vários estilos musicais. Eu por exemplo, toco Thrash e Death metal no Torture Squad, e além de lecionar, tenho também outras gigs que toco rock and roll e blues, e até mesmo arriscando algumas brincadeiras de jazz e samba, ele sempre está soando bem com os grooves, ou seja, naturalmente um grande coringa.
Por isso que a minha identificação foi imediata, pois ser um batera versátil sempre foi minha busca e tendo um prato que me segue nessa jornada é simplesmente fantástico.
Eu posso afirmar com todas as letras que a Orion Cymbals, refinou a minha agressividade sonora.”
Conheça o prato em: http://bit.ly/orionsquad