fbpx
vidaut-capa

VIDAUT

Meu nome é Vitor, mas conhecido pelo apelido, Vidaut. Brasileiro, 38 anos, natural de Brasília, porém, moro no Rio de Janeiro desde meu primeiro ano de idade.

Comecei a tocar aos 9, e nesses 29 anos de música, participei de várias bandas e projetos.

Me formei em Técnicas de Gravação e Produção Fonográfica em 2004.

Desde os 17, trabalho em estúdio como engenheiro de áudio e produtor musical.

Entre os inúmeros projetos que trabalho durante esses anos, destaco: (Maldita, Gerson King Combo, Carranca, Ari (Cone Crew Diretoria) Rodrigo Costa)

Maldita

Completa 15 anos em 2020. Banda de ‘mpb’ (Música Pesada Brasileira) tem 5 álbuns e 1 ep. Fizemos shows em quase todo canto do Brasil e passamos 2 vezes pela europa, onde tocamos em 14 países.

Aqui no BR, tocamos em grandes festivais como (Maquinaria, Abril Pro Rock, Goiânia Noise, Ponto CE, Porão do Rock entre outros, com bandas como Sepultura, Faith no More, Deftones, Suicidal Tendencies, Matanza, Marilyn Manson, Pitty entre outros.

Temos uma vídeografia extensa em nosso canal do YouTube. Vídeo clipes, entrevistas e apresentações ao vivo em emissoras (MTV/ Multishow/ Play TV e etc…)

Gerson King Combo

GKC é precursor da música black no Brasil. Essa é outra vertente que sou apaixonado. Acompanho ele já fazem mais de 10 anos. Nesse tempo, fizemos muitos shows por todo Brasil, participações em programas de televisão (Jô Soares, Fátima Bernardes) e realizamos uma histórica turnê de SESCS em 13 cidades do interior de São Paulo.

Esse ano estamos lançamos o um DVD (Gerson King Combo & SuperGroove 70 anos) gravado no teatro Rival do Rio de Janeiro. Noite antológica. Alguns singles já estão na praça.

Carranca

Projeto idealizado por mim e Rodrigo Costa, onde tentamos reunir estilos que curtimos (Rock, reggae e Funk).

O 1º álbum foi lançado homônimo (CARRANCA) foi lançado em 2016 pela Deckdisc.

Atualmente, estamos finalizando o 2º álbum. Já lançamos o primeiro single (BATALHA).

MEU PRATO

A Orion oferece pratos para todos os estilos. Como eu toco com vários artistas/ bandas, uso um setup diferente pra cada um deles. Algumas vezes repito alguma coisa, mas costumo trocar sempre.

Com a MALDITA, o set é baseado na linha X10. Hi-Hat de 15, Ride Mega Bell de 22, e crashes de 17, 18 e 19. Essa linha tem um equilíbrio de frequências altas e volume, perfeitos para um som mais pesado.

Da série Revolution 10, uso um Hi-Hat de 14 e um china de 18. Essa série tem menos volume e muito brilho. Se encaixam perfeitamente em qualquer som.

Para efeitos, uso um splash de 8 da Bex, um mini china da Solo e um Bell, prato que ainda não se encontra no catálogo da Orion. Esse são pratos verdadeiramente elegantes.

Uso um crash de 17 da Revolution Pro, que na minha opinião, é um dos melhores pratos da Orion.

Para CARRANCA, uso basicamente os mesmos pratos, porém um Ride diferente, no caso, o REV 10 de 20 polegdas.

Já com Gerson King Combo, uso um set completamente diferente. Hi-Hat de 13 da linha MS, um ride de 20 da Bex Briliant, que é muito macio e tem ótimo controle de volume e 2 crashes da X10, um de 16 e outro de 17.

Me lembro de quando experimentei pratos Orion pela primeira vez, na mesma hora percebi que não era mais necessário comprar pratos gringos. Finalmente, uma marca nacional de alta qualidade.

MEU SETUP

Splash 08″ – REV10
Hi-Hat 13’’ – MS
Hi-Hat 14″ – Revolution 10
Hi-Hat 15″ – X10
Crash de 17″ – Rev 10
Crashes 18 e 19″ – X10
Ride Mega Bell 22″ – X10
Ride 20 – BEX
Ride 20 – REV 10
China 18″ – Revolution 10
Mini china 11 1/2″ – REV10

Fechar Menu